quinta-feira, 28 de abril de 2016

Mais trabalhos em execução e consolidação

Os alunos e as professoras responsáveis pela oficina continuam a desenvolver e a consolidar trabalhos com materiais retirados do MAR.



25 de abril

Uma vez mais a oficina do projeto EMA disse presente, dando continuidade ao PAA do agrupamento-«Comemoração do 25 de abril » com mais um trabalho onde se utilizaram materiais retirados do nosso parceiro- O MAR.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

domingo, 17 de abril de 2016

Recolha de madeira flutuante

No Portinho d'areia norte, na 4ª feira, foi possível recolher muita «matéria prima» para os projetos em curso.





terça-feira, 12 de abril de 2016

Literacia científica

Têm decorrido nas escolas do agrupamento algumas atividades ligadas ao estímulo das aprendizagens nas ciências experimentais :

Atelier de Ciências Experimentais no Dia do Livro e da Almofada



Aprende como fazer AQUI

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Aquários

A instalação dos aquários no átrio do 3.º ciclo já está quase completa.


As obras de instalação estão a ser realizadas pela CMP- um dos parceiros do projeto.
(Fotografias tiradas no dia 11-04-16)

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Algários

Vamos começar com a elaboração dos Algários?
Como Fazer?
Clica AQUI
A recolha de algas  já começou na praia da Gâmboa e do Quebrado











quinta-feira, 7 de abril de 2016

O Mural já se encontra na fase de pintura.









Fábulas... e o MAR.



O golfinho e a tartaruga

            Certo dia, numa noite escura e fria de inverno, no meio do oceano Atlântico, estava um golfinho a dormir na sua gruta.
De repente, ouviu um estranho ruído vindo na sua direção. Era a sua amiga tartaruga que fugia do tubarão Tobias, o ser mais temido e perigoso de todos os oceanos.
O golfinho Jerónimo, ao ver a sua amiga em apuros, fez-lhe um sinal com a barbatana e indicou-lhe um esconderijo secreto, salvando-a da morte certa.
A velha tartaruga agradeceu ao seu amigo, dizendo-lhe:
- Nem sei como te agradecer, mas sabes que podes contar sempre comigo para o que der e vier.
- Não tens que agradecer. É para isso que servem os amigos – respondeu o golfinho.
Poucos dias depois, enquanto passeava no fundo do mar, por entre as algas verdes e vermelhas, a tartaruga ouviu um pedido de ajuda, reconhecendo, de imediato, a voz do seu amigo golfinho. Este encontrava-se preso numa rede de pesca e não conseguia livrar-se dela. A tartaruga chamou as suas irmãs que a ajudaram a roer a rede, abrindo um grande buraco pelo qual o golfinho saiu.

E desta forma verificamos que as boas ações são contagiosas e que nos enchem o coração de alegria
Mais Textos elaborado pelos alunos de 5.º Ano na disciplina de Português.
                                                      Aqui

segunda-feira, 4 de abril de 2016